Certamente você já ouviu falar do Superdigital e do Nubank, certo?! Também pudera, afinal, as duas fintechs são duas das principais do Brasil. Um dos motivos para tal está em seus cartões de cartões de crédito que oferecem, que possuem características bem distintas uma das outras e dos demais bancos.

Enquanto o Superdigital é pré-pago, o Roxinho popularizou o serviço no país. Claro que seus benefícios não param por aí, então vamos mostrar cada uma de suas características.

Porém, ambos possuem outras características e e apontamos qual será o melhor para você. Venha conosco e confira nosso comparativo.

Quem são?

Ainda que novos, tanto o Nubank, quanto o Superdigital, já têm raízes sólidas no mercado.

O Superdigital é o mais “velho deles”, sendo fundado em São Paulo, em 2012, com o nome de ContaSuper. Em maio de 2017, a empresa foi comprada pelo Santander e recebeu seu nome atual, ampliando a qualidade e opções de serviço. No ano seguinte, tamanha foi a expansão, a fintech já estava abrindo mercado no Chile.

Também paulistano, o Nubank nasceu no ano seguinte, inovando no mercado ao oferecer um cartão de crédito internacional que não cobrava anuidade de seus clientes. Em 2017, após receber do Banco Central o aval para atuar como banco no país, a empresa lançou a NuConta, já se posicionando como uma das maiores do mercado.

Como funcionam os cartões de crédito do Nubank e do Superdigital?

Apesar de serem internacionais e da mesma bandeira (Mastercard), os cartões de crédito dos bancos se diferem muito. O “Roxinho”, queridinho do Brasil, é tal qual um cartão de crédito comum, podendo ser operado com pagamento escalonado e com fatura posterior.

Já o do Superdigital é um pré-pago, onde você deposita um dinheiro na sua conta e, ao utilizá-lo na versão crédito, ele debita direto no saldo, funcionando como um cartão de débito, já que não permite parcelar suas contas, mas acumulando os benefícios de um cartão de crédito.

Como faço para pedir um cartão de crédito no Superdigital e no Nubank?

Tanto o Superdigital quanto o Nubank oferecem como grande facilidade a possibilidade de pedir seu cartão online. Basta baixar o aplicativo para Android ou iOS e ter em mãos o RG e um comprovante de residência em seu nome. Depois, é só seguir passo a passo do procedimento para concluir sua solicitação, que será analisada e terá retorno em até sete dias. Após ter sua conta, só pedir para incluir a função crédito nela. Tudo pelo app. No caso do roxinho, não é necessário ter uma NuConta. Ela só vem caso você deseje.

Porém, para ter o cartão do Superdigital é necessário depositar qualquer valor na sua conta. Logo após o crédito cair na conta, o cartão físico chegará em até 10 dias úteis. Entretanto,, é importante salientar que o saldo não é taxa, continuando disponível para movimentação por parte do usuário. Outro ponto é que a anuidade e tarifas de manutenção da conta são gratuitas caso você compre ao menos R$ 500 no cartão (débito ou crédito). Caso contrário, custará R$ 9,90/mês.

Qual a principal vantagem que Superdigital e Nubank oferecem nos cartões de crédito?

Sejamos sinceros: uma das coisas que mais incomodam os clientes são as anuidades cobradas para o uso dos cartões de crédito. Porém, nesse caso, Nubank e Superdigital oferecem cartões com essa tarifa isenta e, o melhor: internacionais.

Ou seja, você tem os mesmos benefícios dos cartões de crédito comuns no mercado e poderá fazer compras no exterior, pagando apenas o que consumir, sem a taxa de anuidade.

Além de serem sem tarifas, sem filas e sem burocracia, ambos são contactless. Para pagar, agora basta apenas aproximar o cartão da maquininha.

A bandeira

Além disso tudo, vale destacar que os cartões do Superdigital e do Nubank são da bandeira Mastercard, que é uma das mais tradicionais do mundo. Aceito na maioria dos estabelecimentos, a cobertura do cartão é alta. Além disso, você pode aproveitar as vantagens do Mastercard Surpreenda, que possui descontos em empresas parceiras e ainda com seus pontos acumulados, você compra um produto e o outro pode sair de graça.

Mastercard Surpreenda

O Mastercard Surpreenda é um programa de pontos onde você cadastra o seu cartão e ganha 1 ponto toda vez que usar não importando se o valor da compra, além disso a partir de 5 pontos, você pode comprar produtos selecionados de empresas parceiras e levar outro.

Ok, conte-me outras vantagens dos cartões de crédito?

Mais popular cartão de crédito do Brasil, o Nubank sai na frente em relação ao Superdigital não só por ser um cartão tradicional, mas por oferecer a opção de desconto quando você realiza a antecipação de parcelas. Além disso, o “roxinho” tem um programa especial, o Nubank Rewards, que a cada um real gasto é convertido em um ponto que nunca expira e pode ser utilizado em parceiros. O programa é optativo e custa 12x R$ 19 ou R$ 190.

Diferentemente no Nubank, o Superdigital é pré-pago, o que traz um grande atrativo, já que se você está no vermelho, esse é o cartão de crédito perfeito para negativados. Por ser pré-pago, o banco não consulta SPC/Serasa e oferece a oportunidade de quem está com nome sujo ter acesso a um cartão de crédito internacional da bandeira Mastercard.

Outras diferenças e taxas

Chegou na parte que mais interessa a todos: as tarifas. No caso do Superdigital, aplica-se somente as tarifas de compra no exterior, já que é pré-pago. No Nubank, destrinchamos as principais.

Superdigital

  • Compras internacionais: PTAX Venda + 4%
  • IOF: 6,38%

QUERO SABER MAIS

Nubank

  • Anuidade : gratuita
  • Multa de atraso: 2%
  • Juros do rotativo: 2,75% – 14% ao mês
  • Compras internacionais: PTAX Venda + 4%
  • IOF: 6,38%

QUERO SABER MAIS

E agora, qual escolher?

Além de ser o cartão mais popular do país e ser um cartão de fato, o Nubank oferece mais benefícios na modalidade crédito, incluindo um programa de fidelidades que o Inter não possui. O “roxinho” também tem as menores taxas de juros no rotativo.

Porém, o Superdigital tem como trunfo ser acessível para quem está negativado.

Agora que conferiu nosso guia completo, basta escolher qual melhor cai em seu bolso. Aproveite!